Curso de Educação Física avalia desempenho de atletas da Escolinha Joni Gool

Foram avaliados 11 atletas da Escolinha Joni Gool

Foram avaliados 11 atletas da Escolinha Joni Gool

06/06/2018 - 16h56

O curso de Educação Física da Unoesc avaliou o desempenho de 11 atletas da categoria Sub-17, da Escolinha Joni Gool de São Miguel do Oeste. Segundo a professora Sandra Fachineto, foi aplicado o teste de "vai e vem" , de 20 metros, para determinar o consumo máximo de Oxigênio (VO2max), um parâmetro importante do condicionamento cardiorrespiratório dos atletas. Eles também passaram por uma bateria de testes motores, que avaliou a velocidade, agilidade, flexibilidade, força e potência. Essas capacidades físicas estão relacionadas diretamente à modalidade esportiva.

A equipe de profissionais do Laboratório de Fisiologia do Exercício (Lafe) entregou o resultado dos testes para cada atleta e discutiu os resultados com o treinador e responsável pela Escolinha, Joni Miguel Schacker. "O acompanhamento do desempenho do atleta é primordial para conhecer as suas características.  Além disso, permite identificar os pontos fortes e fracos e estabelecer um planejamento adequado do treinamento, visando desenvolver as capacidades fisiológicas", destaca a professora Sandra Fachineto.

Segundo a coordenadora do curso, professora Andrea Jaqueline Prates Ribeiro, a avaliação física é imprescindível para quem já pratica alguma atividade física, assim como para quem treina como atleta. "Os resultados orientam os professores sobre as alterações e mudanças, que deverão ser feitas ao longo dos treinos. A partir dos resultados, os responsáveis pela Escolinha Joni Gool terão a possibilidade de implementar novos exercícios com foco na melhoria da condição física desses atletas", reforça a professora.

Para o treinador Joni Miguel Schacker, os testes são importantes para direcionar as atividades, durante os treinos, e conquistar bons resultados nos jogos. "Os testes são importantes para conhecermos nossos atletas e podermos realizar um trabalho individualizado para melhorar os pontos fracos", avalia Schacker, salientando que a equipe está disputando o campeonato estadual Sub-17, os Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), a Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) e a Copa Móveis Léo.


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • Ascom/Unoesc



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook