Famílias de agricultores participam de palestras sobre Brucelose e Tuberculose
Veterinários da Cidasc e da Agricultura coordenam as explanações.

16/05/2018 - 14h59

Agricultores das Linhas Alto Guamerim, Santa Catarina, Barra do Guamerim, Jacutinga do Guamerim, Waldemar e Emboaba, integram o primeiro grupo do ciclo de palestras sobre Brucelose e Tuberculose, realizado na tarde de terça-feira (15), pelas Secretarias de Agricultura e de Saúde de São Miguel do Oeste, em parceria com a Cidasc, Epagri e Sindicato dos Produtores Rurais.

Conforme o secretário Renato Romancini, serão sete palestras em diversas comunidades, a fim de orientar os produtores e suas famílias sobre as duas doenças que já têm registro de óbitos e grandes prejuízos em propriedades.

“É uma doença muito séria e estamos iniciando estas palestras onde é fundamental a presença dos agricultores. A responsabilidade é de cada um, precisamos fazer a nossa parte, desde acompanhar o animal, realizar exames e repassar um animal saudável a outros produtores. Tudo tem um custo, mas este é o preço da segurança”, enfatizou Romancini.

O presidente do Sindicato dos Produtores Rurais, Adair Teixeira, anunciou um importante incentivo da entidade para a realização dos exames de tuberculose, brucelose e andrelose. “São poucas pessoas que se preocupam com a saúde da família. Mas agora temos um importante benefício através do Sindicato, com redução de custos para os agricultores, para a realização dos exames numa parceria com o Laboratório do Casa Vitta. Aguardamos agora a liberação do laboratório para a realização dos exames nos animais, pela nossa equipe”.

As explanações foram feitas pelo veterinário da Cidasc, Ody Gonçalves e pela veterinária da Prefeitura, Tatiane Brancalione, que abordaram a transmissão e os cuidados com os animais para que não contraiam brucelose e tuberculose, além da prevenção, tratamento, exames, diagnóstico e os sintomas destas doenças nos humanos que é transmitida através do leite e queijo sem pasteurização e contato com animal doente. A intenção é prevenir que a doença chegue às famílias.

O calendário de palestras segue até o dia 07 de agosto e deve reunir mais de 300 famílias de produtores rurais do município, nos seguintes locais:

Dia 29/05 – Salão da comunidade de Linha Canela Gaúcha;

Dia 12/06 – Salão da comunidade de linha Bela Vista das Flores;

Dia 26/06 – Salão da comunidade de linha Sete de Setembro;

Dia 10/07 – Salão da comunidade de linha Nossa Senhora Aparecida;

Dia 24/07 – Salão da comunidade de linha Dois Irmãos;

Dia 07/08 – Salão da comunidade de linha Campo Salles.


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • Ascom/Prefeitura



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

SIGA-NOS