Força-tarefa da Lava Jato "repudia" decisão de Favreto

Nota oficial afirma que procuradores fizeram "articulação intensa" para reverter situação

Nota oficial afirma que procuradores fizeram "articulação intensa" para reverter situação

08/07/2018 - 21h18

No início da noite deste domingo, os 13 procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato divulgaram uma nota em que “repudiam a decisão do desembargador Rogério Favreto”. O plantonista do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) mandou soltar o ex-presidente Lula, preso e condenado desde o dia 7 de abril.

“A Força Tarefa Lava Jato repudia a decisão do desembargador Favreto, tendo em vista o absoluto desrespeito às reiteradas decisões das diversas instâncias do Poder Judiciário em manter o condenado Luiz Inácio Lula da Silva preso após a análise do mérito de seus recursos”, informa a força-tarefa.

Segundo a nota, “desde a manhã, o MPF está trabalhando de modo articulado e intenso em suas varias instâncias para reverter a teratológica decisão”.


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • CP



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook