Guaraciaba ultrapassa Lei de Responsabilidade Fiscal investindo mais de 18% em Saúde
Dados do primeiro quadrimestre foram apresentados aos Conselheiros Municipais de Saúde.

30/05/2018 - 21h03

Foi realizada na tarde desta terça-feira (29), as apresentações dos relatórios do primeiro quadrimestre da área da Saúde, foram apresentados os dados relativos ao cumprimento das Metas Fiscais. Onde por Lei deve-se aplicar 15% dos recursos em ações e serviços públicos de saúde, sendo que a Administração Municipal, através da Secretaria de Saúde aplicou 18,41%.


Conforme apresentado pela Gestora, Daiane Dorigon, atualmente são cinco equipes de ESF trabalhando, atendendo cerca de 10.500 habitantes cadastrados. Somente no primeiro quadrimestre foram realizados 11.680 atendimentos médicos, 19.598 atendimentos de enfermagem e 12.509 atendimentos nas Farmácias Básicas. Através do Programa Telessaúde foram realizados 20 exames e 255 eletrocardiogramas.


Somente nestes primeiros meses foram 9.161 atendimentos odontológicos e também foram entregues 80 próteses dentárias. Daiane apresentou também que durante este período foram 420 atendimentos especializados na área de ginecologia e obstetrícia, dando uma atenção especial à saúde da mulher, sendo que durante este período foram 37 nascimentos no Hospital São Lucas.


Daiane lembrou ainda dos valores gastos com atendimentos via judiciais, sendo internamentos que a municipalidade precisa arcar, com munícipes em clínicas especializadas, sendo que até o momento já foram quitados os valores de aproximadamente R$40 mil.


No Consórcio do CIS AMEOSC, os valores repassados foram de R$32 mil, somando mais de 300 atendimentos entre exames e consultas através do Consórcio. Nos credenciamentos de atendimentos de fisioterapia, exames e ultrassons foram realizados mais de 480 atendimentos. Neste primeiros quatro meses foram realizadas aproximadamente 400 viagens para Tratamento Fora de Domicílio, sendo que os principais centros de referência são Cascavel, São Miguel do Oeste, Xanxerê e Chapecó.


Daiane apresentou também a média de atendimentos diários nas Farmácias realizados nos primeiros quatro quadrimestres sendo, 15 na Unidade de Saúde de Linha Ouro Verde, na Unidade do ESF 05 a média é de 21 atendimentos, no Posto do Bairro de Santa Terezinha 21 atendimentos, na Unidade Central 97 atendimentos. Sendo que no total foram 12.509 atendimentos. Ainda, foram realizados 42 procedimentos cirúrgicos de catarata e pterígio. 


Nos repasses ao Hospital São Lucas foi apresentado que o repasse mensal é de mais de R$89 mil, sendo que até o momento foram repassados mais de R$356 mil, os quais são repassados para custeio dos plantões, lembrando ainda que foi implantado o plantão 24 horas no Hospital. Ainda em janeiro foram repassados o valor de R$110 mil para pagamento do salário dos funcionários.


Na ocasião esteve presente também o Vice-prefeito Vandecir Dorigon, que falou sobre os últimos recursos recebidos através de emendas parlamentares e também do Ministério da Saúde. Conforme Dorigon, a Administração está trabalhando na aquisição de uma ambulância, com valores de R$80 mil, recebidos através do Ministério da Saúde, ele explica que a Administração trabalha com a possibilidade de recursos para contrapartida, adquirindo assim um veículo melhor. Está sendo trabalhado no projeto da aquisição de uma van com recursos de R$190 mil. Ele explica que o recurso já está empenhado, tendo agora que realizar os trâmites legais, que poderão se estender devido ao período eleitoral.


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • Cinthia Borsatto/ Assessoria de Imprensa



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

SIGA-NOS