Jogo louco! Grêmio bate Chape com gol do meio-campo e três de reserva e é vice-líder

08/06/2017 - 22h17
banner responsivo

Poucas vezes a cidade catarinense, centro do futebol até agora em 2017, viveu uma noite maluca como esse. Em jogo para lá de maluco, o Grêmio venceu a Chapecoense na Arena Condá por 6 a 3 - isso mesmo, SEIS - com gol do meio-campo de um volante, três de um atacante reserva, sendo dois deles em menos de dois minutos, e uma falha estranhíssima de Marcelo Grohe no tento de Luiz Antônio, o primeiro da Chape. Aconteceu quase de tudo no Oeste catarinense em partida que poderia valer a liderança do Brasileirão.

Michel, duas vezes, Everton, três, e Luan anotaram para o Grêmio. Luiz Antônio, Reinaldo e Arthur fizeram os gols da Chape.

PRIMEIRO TEMPO
O jogo não foi daqueles de encher os olhos. Talvez pelo gramado escorregadio, pela chuva que cai nas últimas semanas no sul do Brasil. Mas as duas equipes abusaram de lançamento longos e jogadas de bola parada, como em dois dos três gols marcados. O Grêmio abriu o placar com um gol do círculo central, embora sem querer, e depois completou cruzamento de Luan em cobrança de falta. A Chape diminuiu em cobrança de falta e trapalhada de Grohe, que caiu dentro do gol para segurar a bola - há dúvidas se ela de fato passou totalmente a linha. No fim de uma etapa parelha, Seijas poderia ainda ter empatado, mas Kannemann salvou.

SEGUNDO TEMPO
A loucura da bola continuou na etapa final. A Chape voltou na pressão e em cima do Grêmio, em busca do empate. Cada cruzamento na área dos gaúchos era um Deus nos acuda com Grohe inseguro após a falha. Na sequência, Barrios se machucou. Parecia tudo dar errado para o time de Renato. Mas Everton, em menos de dois minutos, fez dois gols e formou o 4 a 1. Com um pênalti, Reinaldo balançou a rede e diminuiu. Alternadamente, Everton, outra vez, Arthur e Luan completaram o placar. 


  • por
  • Kia Chavious



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

SIGA-NOS