Prefeito recepciona alunos na volta às aulas em São Miguel do Oeste
Atividade aconteceu na manhã desta segunda-feira (19), na Escola Attílio Luiz Calza, que foi totalmente reformada.

19/02/2018 - 15h29

Mais de 3.800 alunos da rede municipal de ensino de São Miguel do Oeste retornam às aulas nesta segunda-feira (19). Eles estão divididos em 23 unidades escolares. O prefeito, Wilson Trevisan, acompanhado do vice, Alfredo Spier; da secretária de Educação, Rosani Pelissari; do vereador, Elias Araújo; e equipe da Secretaria, recepcionou os alunos, a partir das 07h30, na Escola Attílio Luiz Calza, no bairro Santa Rita. O educandário passou por uma completa reforma e ampliação.

De acordo com a secretária Rosani, foram construídas duas novas salas de aula, uma sala de informática e secretaria. A biblioteca também foi ampliada. Além disso, foi comprado novo mobiliário, climatizadores e cortinas. Todo o espaço recebeu nova pintura, e cobertura no pátio interno. Aproximadamente R$ 900 mil foram investidos no local. A Escola Attílio Luiz Calza conta com cerca de 200 alunos matriculados. O padrão visual da escola será adotado, gradativamente, em todas as unidades da rede municipal.

Trevisan conversou com alguns pais, alunos, professores e direção da escola, e fez uma rápida fala a todos antes do início das aulas. Ele disse que optou por não fazer um ato inaugural das obras, a fim de economizar os recursos que seriam gastos na solenidade. “O importante é que a comunidade escolar usufrua deste espaço”, frisou.

O prefeito também comentou sobre algumas novidades para este ano. “Um projeto que enviamos para a Câmara e entrará em vigor assim que for aprovado, permitirá o repasse de R$ 700 a R$ 1.500 para a APP de cada escola. Estes valores serão utilizados no custeio de serviços de manutenção e pequenos reparos, como corte de grama e troca de lâmpadas; realização de eventos e atividades extraclasse”, assinalou.

Outro investimento citado por Trevisan, é no material pedagógico. O SEFE (Sistema Educacional Família e Escola), fornecerá material impresso e tecnológico, voltado a alunos, seus familiares e professores, além de formações para professores e gestores escolares.


  • por
  • Kia Chavious
  • FONTE
  • Ascom/Prefeitura



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook