Assassino de taxista é condenado a 30 anos de cadeia

Carro da vítima estava em poder do autor do latrocínio

Carro da vítima estava em poder do autor do latrocínio

20/12/2018 - 21h14
Foi publicada na terça-feira (18), a sentença do réu Maicon Weber, 34 anos, assassino do taxista de Campo Erê, Adilson Coletto, 46 anos. O criminoso foi condenado por latrocínio (matar para roubar) e pegou a pena máxima, 30 anos de cadeia.

O crime ocorreu dia 09 de agosto, por volta das 8h30, na Linha Taquari, na divisa entre os municípios de São Lourenço do Oeste e Jupià. A causa da morte foi possivelmente uma facada no pescoço.

Weber foi preso um dia após o crime, em Palmas (PR), ao ser surpreendido pelos policiais da DIC – Divisão de Investigação Criminal de São Lourenço do Oeste, numa ação conjunta da Polícia Civil de Campo Erê e das delegacias de Maravilha e São Domingos.

No dia em que foi preso, o assassino estava com o carro Renault Symbol e todos os pertences da vítima.

  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • Portal Peperi



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook