Campanha de vacinação contra poliomielite e sarampo pode ser prorrogada em municípios que não atingiram a meta

05/09/2018 - 11h56

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) informa que os municípios de Santa Catarina que não alcançaram a meta de 95% de cobertura vacinal contra o sarampo e a poliomielite podem prorrogar a campanha até o dia 14 de setembro, conforme orientação do Ministério de Saúde.

O público-alvo são crianças de um ano a menores de 5 anos de idade. A Dive orienta a todos os pais e responsáveis manterem a caderneta de vacinação dos seus filhos em dia. São 18 vacinas disponíveis gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS) que protegem contra mais de 30 diferentes tipos de doenças.

A Campanha começou no dia 6 de agosto, e a média de cobertura alcançada por Santa Catarina foi mais de 103%. O percentual é baseado numa estimativa populacional do Ministério da Saúde.


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

Website Security Test