Chuva provoca alagamentos, destelhamentos e quedas de árvores em municípios de SC
Ocorrências foram em Concórdia, Capinzal, Zortéa, Major Vieira e Ouro. Não há registros de feridos.

18/10/2018 - 07h42

Pelo menos quatros municípios do Oeste de Santa Catarina e um do Norte tiveram alagamentos na tarde desta quarta-feira (17) por causa da chuva. Segundo a Defesa Civil do estado, até as 18h havia registros no Oeste em Concórdia, Zortéa, Capinzal e Ouro - estas duas últimas decretaram neste mês situação de emergência em função dos danos das chuvas. No Norte, o município atingido foi Major Vieira.

Houve queda de árvore e destelhamentos de casas, e uma ponte foi levada. Não há registros de feridos até o momento.

A situação mais grave foi em Concórdia. A chuva intensa com vendaval por volta das 16h causou o destelhamento parcial de quatro casas e quatro quedas de árvores - uma delas obstruiu parcialmente uma pista e outra caiu na rede de baixa tensão e danificou um poste. Uma residência foi alagada.

Em Capinzal, algumas residências tiveram alagamentos, assim como alguns comércios. A chuva foi por volta das 15h. Não há desabrigados e nem desalojados, disse a Defesa Civil.

Em Ouro, a chuva provocou dois pontos de alagamentos em salas comerciais no Centro e danos em estradas vicinais no interior do município. Uma ponte na linha São Paulo foi levada pela força da água.

Zortéa teve alagamentos. A água inclusive chegou a entrar em casas. Houve também interdição de estradas, conforme a Defesa Civil. O município registrou alagamentos também na noite de 9 de outubro.

Uma casa foi atingida pela enxurrada em Major Vieira. Segundo a Defesa Civil, choveu muito em poucos minutos, o que ocasionou o fenômeno: foram 8 milímetros em 15 minutos. A casa atingida fica no Centro da cidade.


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • G1/SC



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

banner responsivo
banner responsivo

SIGA-NOS