Escolas de ensino médio em tempo integral deverão receber R$ 19,7 milhões em SC

17/01/2018 - 21h45

Das 35 escolas de ensino médio em tempo integral em funcionamento na rede estadual de Santa Catarina este ano, 31 receberão os R$ 19.793.555,21 milhões do pagamento do Ministério da Educação feito na última sexta-feira (12) referentes à parcela do salário-educação do mês de dezembro. Conforme o governo do estado, o recurso será aplicado na aquisição de materiais e no investimento em projetos pedagógicos.

Conforme o MEC, ao todo, foram liberados ao estado R$ 49.198.624,25 milhões. Desse valor, R$ 29.405.069,04 são para escolas municipais e R$ 19.793.555,21 para estaduais. Conforme a Secretaria de Educação, até 2017 o estado tinha 15 unidade escolares de ensino médio em tempo integral e outras 20 serão implantadas em 2018. Das 35 que estarão em atividade no próximo ano letivo, 31 receberão os R$ 19.793.555,21.

De acordo com a pasta da Educação, a partir de 22 de janeiro terá início a elaboração de um plano de trabalho para investimento dos recursos. Depois de aprovado, o plano entra na fase de licitações para início dos investimentos.

No país, os valores são de R$ 981,4 milhões e serão repassados ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Os recursos serão aplicados no financiamento de programas, projetos e ações voltados para a educação básica.

Destinação

Conforme o MEC, o salário-educação pode aplicado para construir escolas, adquirir material escolar e atividades de manutenção das secretarias. Segundo o Ministério, essa contribuição é recolhida de empresas e entidades vinculadas à Previdência Social, que pagam o valor de 2,5% sobre a folha de pagamento.


  • por
  • Kia Chavious



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook