Flamengo domina a 50ª edição da Bola de Prata

Gabigol, do Flamengo, além do prêmio de artilheiro também levou a Bola de Ouro como melhor do Brasileirão

Gabigol, do Flamengo, além do prêmio de artilheiro também levou a Bola de Ouro como melhor do Brasileirão

09/12/2019 - 22h36

Os melhores jogadores do Campeonato Brasileiro foram premiados na tarde desta segunda-feira, em São Paulo, na entrega do Bola de Prata da ESPN. A premiação chegou à sua 50ª edição formando uma seleção composta em sua grande maioria por jogadores do Flamengo, campeão com 90 pontos. A Bola de Ouro, dedicada ao melhor da competição, ficou com o artilheiro Gabigol, que superou seus companheiros de time Bruno Henrique e Arrascaeta.

Desta vez, nenhum jogador da dupla Gre-Nal foi premiado. Lindoso e Matheus Henrique foram finalistas entre os melhores volantes, junto com Sánchez, do Santos, todos superados pela dupla do Flamengo. Cuesta, Alisson e Everton também foram finalistas em suas posições. No ano passado, foram quatro "gaúchos" na seleção: Geromel, Victor Cuesta, Rodrigo Dourado e Everton - e Marcelo Lomba entrou na seleção da CBF. Sem aparecer na lista pela primeira vez desde 2014, Geromel foi alcançado por Dudu. São os dois únicos jogadores com quatro prêmios consecutivos.

Ganhadores da Bola de Prata

Os vencedores da Bola de Prata esse ano foram: Diego Alves (Flamengo); Rafinha (Flamengo), Gustavo Gómez (Palmeiras), Lucas Veríssimo (Santos) e Jorge (Santos); William Arão (Flamengo), Gerson (Flamengo) e Arrascaeta (Flamengo); Bruno Henrique (Flamengo), Dudu (Palmeiras) e Gabigol (Flamengo). Técnico: Jorge Jesus (Flamengo).

Gol mais bonito

O gol mais bonito do Campeonato Brasileiro foi a bicicleta de Arrascaeta, contra o Ceará. A revelação foi o atacante Michael, do Goiás, que ficou em segundo lugar na escolha do gol mais bonito com o gol que marcou no Beira-Rio, na vitória de 2 a 1 sobre o Inter, arrancando desde o meio-campo.

>>>Clique e receba notícias do JRTV Jornal Regional diariamente em seu WhatsApp.


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • Correio do Povo



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook