Receita Federal aciona PF após registrar acesso ilegal a informações fiscais de Bolsonaro
Medida foi tomada após ter sido identificado que dois funcionários do órgão acessaram sem permissão dados do presidente e de seus familiares.

08/04/2019 - 10h12

A Receita Federal abriu sindicância para apurar possível acesso ilegal de dois servidores a informações fiscais do presidente Jair Bolsonaro. A medida foi tomada após ter sido identificado que Bolsonaro e seus familiares tiveram dados acessados sem permissão.

Em nota divulgada na sexta-feira (5), a Receita informou que foi aberta uma sindicância que concluiu não haver motivação legal para a iniciativa dos funcionários do órgão.

O texto cita ainda que, diante dos fatos, a Polícia Federal foi notificada para apurar responsabilidade funcional dos envolvidos.

Não é a primeira vez que a Receita tem o nome incluído em questões desse tipo. Em fevereiro, o órgão abriu processo interno para apurar o vazamento de documentos em que auditores propunham uma investigação fiscal do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, e de sua mulher, Guiomar.


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook