SEMIFINAIS: Guarani e Aliança fazem um confronto de gigantes neste domingo

30/03/2019 - 22h50

Ao longo de décadas de rivalidade, foge da memória as vezes que Guarani e Aliança já mediram forças. De tal modo que o confronto entre ambos se transformou, principalmente nos últimos anos, num dos grandes clássicos do futebol amador do Extremo Oeste catarinense. Foram embates para entrar para a história.

E neste domingo (31), às 16hs, quando Guarani e Aliança pisarem no gramado do estádio Padre Aurélio Canzi, não será diferente. As duas equipes estão invictas. O Aliança soma cinco vitórias e um empate em seis jogos. O Bugre venceu três e empatou três. Mais uma vez, quis o destino, que os dois clubes ficassem frente a frente numa semifinal. Será a terceira em menos de dois anos. Nas duas anteriores o time de São João do Oeste levou a melhor. O Guarani quer mudar essa escrita.

O respeito é recíproco. Até as palavras de uma simples entrevista são comedidas. Ninguém quer dar munição para ser usada num discurso de vestiário. Mas a verdade é que os dois times estão prontos. O Aliança vem a São Miguel do Oeste com força máxima. O Guarani, com exceção de Diogo, que cumpre suspensão, contará com o que tem de melhor. Até o meia-atacante Léo Gruber treinou normalmente e ficará à disposição do técnico Aty Giordani.

A direção do Guarani convocou seu torcedor para lotar o Padre Aurélio. A ideia é transformar o estádio bugrino num verdadeiro caldeirão. “O apoio da arquibancada tem sido um precioso combustível para o nosso time”, ressalta o técnico Aty. Já o presidente do Aliança, Amilkar Gassen, informa que um grande número de torcedores deve vir a São Miguel do Oeste para torcer pelo Aliança. O duelo de torcidas na arquibancada, tudo indica, também será bonito.

 FICHA TÉCNICA

Guarani

Tiago; Croco, Cabelo, Rato e André; Leo Bugs, Leo Barreto, Edu Becker e Leo Gruber (Nini); Barth (Rafa Mallmann) e Márcio Reis. Tec.: Aty Giordani

Aliança

Fabio; Tarcisio, Cris, Libo e Rodrigo; Boca, Pablo, Jair Mueller e João; Regis e Lirio.  Téc.: Bijú

Arbitragem

Jocemar Klein, Jean Colle e Doacir Balbinot.


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • JRTV/Jornal Regional
  • busca rápida



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook