Família Acolhedora completa quatro anos em São Miguel do Oeste

11/06/2021 - 17h08

O Serviço de Acolhimento em Família Acolhedora completa neste sábado, dia 12 de junho, quatro anos de aprovação da Lei que o instituiu em São Miguel do Oeste.

Desde então, crianças e adolescentes acolhidos judicialmente têm a oportunidade de serem inseridos em um ambiente familiar provisório até que possam retornar a suas famílias de origem ou serem encaminhados para adoção.

De acordo com a coordenadora do Serviço no Município, assistente social Carline Mocelin, até o momento, sete famílias realizaram o pré-cadastro para receberem estas crianças e adolescentes, e três delas já foram habilitadas.

Nestes últimos quatro anos, a Secretaria Municipal de Assistência Social encaminhou, por meio do Família Acolhedora, um total de oito crianças e adolescentes para lares temporários, seja de famílias cadastradas em São Miguel do Oeste ou em municípios vizinhos.

“Tanto a ‘família acolhedora’ quanto a criança ou adolescente atendido, e a família de origem, são acompanhados continuamente pela equipe técnica do serviço, visando à superação da situação de risco, ou, na impossibilidade, o encaminhamento para adoção”, explica Carline.

Para mais informações sobre o Serviço de Acolhimento em Família Acolhedora, os interessados podem entrar em contato pelo telefone (49) 3631-2016, de segunda a sexta-feira, das 07h45 às 11h45, e das 13h15 às 17h15, ou ir diretamente à sede da Secretaria de Assistência Social, localizada no bairro São Luiz (Caic).

>>>PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP. 


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook