Inter tem gol anulado pelo VAR e perde para o Athlético-PR

Imagem: Robson Mafra/AGIF

Imagem: Robson Mafra/AGIF

25/07/2021 - 20h40

Após três jogos sem vitória, o Athletico voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Na noite deste domingo, o Furacão bateu o Inter por 2 a 1, na Arena da Baixada, em duelo pela 13ª rodada. Os dois times fizeram um jogo movimentado e com chances de gols para os dois lados, mas o Athletico foi mais efetivo. Terans, em uma linda cobrança de falta, e Vitinho, marcaram os gols dos donos da casa ainda no primeiro tempo. O time gaúcho chegou a empatar com Caio Vidal também na primeira etapa, mas o gol foi anulado pelo VAR. No segundo tempo, Edenilson, de pênalti, descontou para os visitantes.

Classificação

Com a vitória, o Athletico se reaproximou do G-4. O Furacão segue em quinto na tabela, com 23 pontos, a um ponto do RB Bragantino, quarto colocado. Já o Inter segue em 13º, com 14 pontos, com quatro pontos de vantagem para o Sport, primeiro time na zona de rebaixamento e que ainda joga neste domingo. 

Primeiro tempo

O Athletico se posicionou no campo de ataque e dificultou a saída de bola do Inter. Christian, Terans, Vitinho e Nikão tramavam as jogadas, mas encontravam pouco espaço para invadir a área. A primeira chance saiu aos 21 com Terans, que chutou perto do gol de Daniel. O Colorado só chegou com perigo pela primeira vez aos 30. Edenilson cruzou na cabeça de Caio, que errou o alvo e mandou para fora.O Athletico-PR não se assustou e chegou ao gol com uma pintura de Terans. Aos 36, o uruguaio cobrou falta na entrada da área e mandou no ângulo esquerdo de Daniel, que nada pôde fazer. O Inter até chegou ao empate quatro minutos depois, com Caio Vidal. Entretanto, após a análise do VAR, o gol acabou anulado por falta de Heitor em Vitinho na origem da jogada, ainda no campo de defesa. O episódio irritou os gaúchos, e o Furacão ampliou antes do intervalo. Já nos acréscimos, aos 47, Vitinho aproveitou erro no corte de Cuesta e estufou as redes.

Segundo tempo

O Inter voltou melhor para o segundo tempo, mas levou um susto em uma rosca do goleiro Daniel. Por sorte, a bola saiu pela linha de fundo. Aos três, Boschilia arriscou de fora da área e acertou a trave. O Athletico trocava passes e esperava o espaço e teve chance de ampliar aos 10, quando Nikão obrigou Daniel a fazer grande defesa.Sete minutos depois, Nicolas colocou a mão na bola dentro da área em uma disputa com Yuri Alberto. Pênalti marcado e convertido por Edenilson. O Inter adiantou sua marcação e pressionou até o fim em busca do empate, mas não teve capricho para construir as jogadas e finalizar com clareza. Já o Athletico se fechou e segurou a vantagem para conquistar mais três pontos.

>>>PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP. 


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • GE/RS



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook