Polícia Civil prende condenado por uso de documento falso

27/02/2021 - 09h15

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Pinhalzinho (SC), cumpriu na tarde desta sexta-feira (26), mandado de prisão em desfavor de um homem de 41 anos. O crime aconteceu ainda no ano de 2014, quando ele foi abordado pela PM e apresentou CNH aparentemente falsa.

Durante a investigação, ficou demonstrado, por meio de perícia realizada pelo IGP, que o documento de fato era falso. Interrogado, ele disse que comprou a CNH em Itajaí por R$ 1.900,00.

Após ação penal proposta pelo Ministério Público, ele foi condenado pelo Poder Judiciário por uso de documento falso ainda no ano de 2019. Contudo, como ele recorreu da decisão, apenas na tarde desta sexta (26), foi expedido pelo juízo de Pinhalzinho mandado de prisão (para início do cumprimento de sua pena em regime semiaberto).

Ele possui vasto histórico policial, registrando envolvimento em crimes de furto, lesão corporal, roubo, porte ilegal de arma de fogo e ameaça, dentre outros.

Ele foi preso pelos investigadores na tarde de hoje na sua residência, localizada na Rua Governador Celso Ramos, no Bairro Jardim Maria Terezinha, e encaminhado à Unidade Prisional Avançada de Maravilha.

Um fato curioso: na última terça-feira, 23, o filho dele foi preso pela Polícia Civil em Pinhalzinho, por ser suspeito de vários furtos na região.

>>>PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP. 


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook