Réu acusado de matar homem por ponto de prostituição é condenado

21/10/2021 - 05h29

A sessão do Tribunal do Júri ocorrida na última sexta-feira (15), condenou um acusado de atirar e matar um homem no dia 18 de fevereiro de 2014. O réu recebeu a sentença de 12 anos de prisão, em regime fechado. Ele respondia por homicídio qualificado, com recurso que dificultou a defesa da vítima e por porte ilegal de arma de fogo. Um segundo réu foi absolvido.

De acordo com a denúncia, os réus chamaram outros quatro homens e uma mulher para resolver desavenças a respeito de pontos de prostituição na avenida Fernando Machado, em Chapecó. Antes de acionarem a campainha do apartamento, os visitantes foram alvejados com disparos de arma de fogo. Um homem morreu no local.

Após a sessão, o réu foi preso e levado para o Complexo Prisional de Chapecó.

>>>PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP.  


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

banner responsivo
banner responsivo

SIGA-NOS