São Miguel do Oeste investiu mais de R$ 29 milhões na Saúde em 2020
Dados foram apresentados durante audiência pública na tarde desta sexta-feira (26).

26/02/2021 - 15h44

O Município de São Miguel do Oeste aplicou em Saúde, no ano passado, quase R$ 1,6 milhão a mais do que o exigido em Lei. Este foi um dos dados apresentados na tarde desta sexta-feira (26), durante a audiência pública para prestação de contas referente a este período, da Prefeitura e do Fundo Municipal de Saúde.

Em virtude da pandemia, a audiência ocorreu de forma virtual, transmitida pela página oficial do município no Facebook.

De acordo com os dados apresentados, o valor mínimo das despesas para este setor deveria ser de R$ 11.748.331,49, levando em consideração os recursos próprios. Entretanto, o Município investiu R$ 13.345.420,23 neste formato, ou seja, 2,04% a mais. Somando os recursos vinculados, o montante total investido chega a R$ 29.588.115,89.

Na Educação, o Município também ultrapassou o gasto mínimo exigido em lei, além de realizar várias obras e ações que favoreceram a comunidade nos mais diversos setores.

Em relação aos gastos gerais com folha de pagamento, o limite prudencial é de 5,3% e o limite máximo de 54%, sendo que o Município de São Miguel do Oeste conseguiu fechar o ano com 45,94%.

>>>PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP. 


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook