Uma década depois, saga 'Crepúsculo' ganha mais um livro

04/08/2020 - 23h39

Mais de uma década após sua publicação, a saga "Crepúsculo" ganha mais um livro: "Sol da meia-noite", da autora Stephenie Meyer, chega às livrarias de todo o mundo nesta terça (4).

A saga, formada por quatro livros, narrava a história de amor entre Bella Swan e o vampiro Edward Cullen. A história era contada pela protagonista.

Em "Sol da meia-noite", o encontro e a história do casal serão narrados por Edward Cullen. O livro vai contar fatos inéditos da relação dos dois e sobre a batalha entre os clãs de vampiros.

"É um momento louco agora e eu não tinha certeza de que esse era o momento certo para publicar este livro, mas alguns de vocês o aguardam há tanto tempo que não parecia certo fazer vocês esperarem mais", disse Meyer, ao anunciar a data de lançamento.

A editora Little Brown disse que, pelos olhos de Edward, a história assume uma "nova obscuridade". "Conhecer a bela e misteriosa Bella é o evento mais intrigante e enervante que ele experimentou em sua longa vida como vampiro ”, afirmou, em comunicado.

Com o primeiro livro publicado em 2005, a saga vendeu mais de 100 milhões de cópias. A adaptação em cinco filmes, estrelada por Kristen Stewart e Robert Pattinson, arrecadou US$ 3,3 bilhões em bilheteria.

Manuscrito vazado

Meyer abandonou o projeto depois que parte do manuscrito foi publicado ilegalmente na internet em 2008. Na época, chamou o episódio de "uma enorme violação" de seus direitos como autora.

Em 2013, ela chegou a dizer à revista "Variety" que nunca mais escreveria sobre o universo de "Crepúsculo", a não ser por “três parágrafos no meu blog, dizendo quais dos personagens morreram". ​​

"Eu fico mais longe [de 'Crepúsculo'] todos os dias . Para mim, não é um lugar feliz para se estar", afirmou.

>>>Clique e receba notícias do JRTV Jornal Regional diariamente em seu WhatsApp.



  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

banner responsivo
banner responsivo

SIGA-NOS