Brasil atropela a Sérvia e chega a seis vitórias na Liga das Nações

Foto: Fivb / Divulgação

Foto: Fivb / Divulgação

06/06/2021 - 12h45

A seleção brasileira abriu a terceira semana da Liga das Nações com o pé direito. Neste domingo (6), o Brasil teve uma atuação de gala, deu um show na bolha de Rimini, na Itália, e não tomou conhecimento da Sérvia, vencendo o duelo, com tranquilidade, por 3 sets a 0 (25/12, 25/14 e 25/13). Vale lembrar ainda que Sérvia e Brasil estão no mesmo grupo nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Tandara e Fê Garay foram, novamente, os grandes destaques do Brasil, marcando 12 e 11 pontos, respectivamente. E com a vitória encaminhada, José Roberto Guimarães aproveitou para rodar o time no terceiro set, tendo boas atuações da campeã olímpica Sheila, e de Adenízia e Ana Cristina.

Assim, o Brasil chega a quatro vitórias seguidas e seis em sete jogos, tendo perdido apenas para os Estados Unidos nesta Liga das Nações. Desta forma, a seleção se mantém na terceira posição geral, com 18 pontos, empatada provisoriamente com os EUA. A Turquia é a líder, também por enquanto, com 19.

Agora, o Brasil volta à quadra já nesta segunda-feira (7) para encarar a Bélgica, que surpreendeu a China neste domingo (6), vencendo por 3 sets a 1. O duelo acontece às 16h (de Brasília), e você acompanha ao vivo no Olimpíada Todo Dia.

O jogo

O Brasil foi à quadra com: Fê Garay, Carol Gattaz, Macris, Gabi, Tandara, Carol e Camila Brait. E o time começou muito bem o jogo, ditando o ritmo e sem dar chances para as adversárias. Com ataque e bloqueio encaixados, a equipe brasileira foi logo construindo a vantagem, que não demorou para chegar a 10 pontos. Assim, com bastante tranquilidade, o time encaminhou a vitória e fechou a parcial em 25 a 12.

O roteiro continuou parecido no segundo set, com o Brasil melhor em quadra e abrindo vantagem. Apesar de cometer alguns erros de saque, a seleção brasileira conseguia barrar as tentativas de reação da Sérvia e mantinha a vantagem na casa dos sete pontos, com Fê Garay liderando o ataque. Com isso, mais uma vez, o Brasil encaminhou a parcial e fechou com tranquilidade, com 11 pontos de frente.

>>>PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP. 


  • por
  • Jornal Regional
  • FONTE
  • GE



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook