Foragido por estupro em SC é preso nos Estados Unidos após três anos fora do Brasil

04/12/2020 - 18h25

Um homem de 59 anos condenado por estupro de vulnerável em Santa Catarina foi preso nos Estados Unidos (EUA), depois de ficar por pelo menos três anos fora do Brasil. Foragido da Justiça, o catarinense será deportado e cumprirá a pena pelo crime que cometeu. A data de chegada ao país ainda não está definida.

Segundo o titular da Delegacia de Polícia de Proteção ao Turista da Capital (11ª DPCAP/DPTUR), delegado Renan Scandolara, o catarinense foi abordado por autoridades dos EUA que fizeram uma checagem de todos os dados do estrangeiro por meio do Diplomatic Security Service (DSS) - Serviço de Segurança Diplomática. 

Dessa forma, o DSS, representado nos Consulados Americanos de São Paulo e Rio de Janeiro, acionaram a Polícia Civil de SC e descobriram a situação do indivíduo que morava em território norte-americano há aproximadamente três anos. 

O cumprimento da pena deve ocorrer no presídio que corresponde à Comarca que condenou o catarinense por abuso sexual infantil. A cidade onde ocorreu o crime não foi informada pela polícia, para "preservar a segurança da vítima". 

>>>Clique e receba notícias do JRTV Jornal Regional diariamente em seu WhatsApp.


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook