Prefeito pede a presidente que Câmara de Vereadores faça devolução mensal de sobras
Dinheiro que não for usado no legislativo e devolvido ao município será destinado à Saúde.

26/03/2020 - 17h33

O prefeito de São Miguel do Oeste recebeu no gabinete, nesta quinta-feira (26), o presidente da Câmara de Vereadores. Wilson Trevisan pediu ao vereador Everaldo Di Berti para que o valor que sobra do repasse mensal que o município faz ao legislativo seja devolvido todo mês aos cofres municipais. Trevisan lembra que a Câmara costuma devolver, para a prefeitura, a cifra que não é utilizada, mas, tradicionalmente, isso ocorre em um único momento, sempre no final do ano. O pedido do prefeito para que as sobras sejam devolvidas a cada mês a partir de agora é para que o dinheiro seja destinado às ações na área de Saúde para o combate ao avanço do surto de coronavírus.

De acordo com o prefeito, o presidente da Câmara recebeu bem a solicitação e mostrou apoio ao pedido. Inclusive, Di Berti disse que já tratou do assunto com os demais integrantes da mesa diretora, que se posicionaram a favor. As devoluções mensais iniciam já neste mês. “Acordamos que o legislativo passará a gastar apenas o que for estritamente necessário dos cerca de R$ 500 mil que a prefeitura repassa à Câmara todos os meses. Os gastos giram em torno de pouco mais de R$ 300 mil. O restante, cerca de R$ 140 mil a R$ 150 mil, fica em conta, como prevê a legislação. Com o acordo que construímos hoje, essa diferença volta para o município”, explica Trevisan. E complementa: “meu agradecimento à Câmara pela compreensão. Aproveito para pedir aos vereadores que conversem e cheguem a um entendimento para que os valores das emendas impositivas de todos eles também sejam destinados à Saúde”.

>>>Clique e receba notícias do JRTV Jornal Regional diariamente em seu WhatsApp.


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook

Website Security Test