Santa Catarina tem mais de quatro mil vagas de emprego no Sine

02/03/2021 - 14h33

O Sistema Nacional do Emprego (Sine), integrado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), iniciou o mês de março com 4.084 vagas abertas para quem deseja entrar ou retornar ao mercado de trabalho em Santa Catarina. Deste total, 49 oportunidades são para pessoas com deficiência (PCD).

 As vagas estão distribuídas nos setores da indústria, serviços, comércio, construção, entre outros. Há oportunidades em 55 municípios catarinenses para todos os níveis de escolaridade, com ou sem experiência.

“O Sine de Santa Catarina tem um papel fundamental no fomento da economia do Estado ao intermediar as vagas disponíveis entre empresas que buscam profissionais e trabalhadores à procura de uma recolocação ou de um primeiro emprego. Neste momento de pandemia, estas novas oportunidades se tornam ainda mais relevantes para realização profissional e no incentivo ao desenvolvimento do Estado. É com o trabalho em conjunto entre setor produtivo e Governo que avançaremos diante das dificuldades e rumo à retomada econômica”, avalia o secretário da SDE, Luciano Buligon.

As ocupações de técnico em segurança do trabalho, auxiliar de mecânico de automóveis, servente de obras, pedreiro, costureira em geral, operador de telemarketing e auxiliar de linha de produção estão entre as oportunidades com maior número de vagas ofertadas no Estado.

Agências com maior número de vagas

Tubarão – 265 (3 PCD)
Concórdia – 272
Itajaí – 279 (1 PCD)
São Miguel do Oeste – 655

Como se candidatar

Interessados podem se inscrever pelo aplicativo Sine Fácil, que está disponível na Play Store e Apple Store, ou presencialmente nas unidades, por meio de agendamento via telefone.

“As vagas do Sine podem sofrer alterações constantemente, pois logo que preenchidas, elas não estarão mais disponíveis no sistema. Assim como outras novas podem estar sendo ofertadas. Desta forma, é necessário que o trabalhador verifique a disponibilidade das vagas antecipadamente pelo aplicativo Sine Fácil ou site Emprega Brasil, antes de ir até uma unidade”, destaca o diretor de Emprego e Renda da SDE, Diego Goulart.

>>>PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP. 


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook