Programa 'Prefeitura Parceira' fortalece empresas de Itapiranga durante pandemia

Empresários de Itapiranga receberam consultorias gratuitas.

Empresários de Itapiranga receberam consultorias gratuitas.

28/11/2020 - 11h24

Setenta e quatro microempresas e empresas de pequeno porte foram atendidas com consultorias gratuitas pelo programa “Prefeitura Parceira”, em Itapiranga, no extremo oeste catarinense. Ao todo foram disponibilizadas 326 horas de consultorias, no período de julho a novembro, nas áreas de marketing (160 horas), marketing digital (36 horas), gestão financeira (90 horas) e alimentação fora do lar (40 horas). A iniciativa foi da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo e da Sala do Empreendedor local e integra o Programa Cidade Empreendedora executado pelo Sebrae/SC desde 2017 no município.

O programa disponibilizou por meio de consultorias gratuitas conhecimento e informações de qualidade para que o empreendedor possa se reinventar, inovar e superar os reflexos da crise econômica provocada pela pandemia da covid-19. Prestaram atendimento no município os consultores credenciados ao Sebrae/SC Francieli Finger (alimentação), Pedro Watte (finanças), Sandra Mara Puhl (finanças), Tiago Tengaten (marketing) e Veridiane Endres (marketing digital, oficinas de Instagram I e II, oficina de WhatsApp).

Para a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Carlise Welter Werlang, o município teve a sensibilidade de perceber o cenário difícil que o setor empresarial enfrentava em função da crise sanitária para propor alternativas de auxílio. O programa foi desenvolvido com base nas informações coletadas da pesquisa sobre o “Impacto do novo coronavírus nas empresas de Itapiranga”, realizada pela Secretaria no mês de maio, com 102 empresários.

“O intuito foi levantar dados sobre os reflexos da pandemia na economia local e serviu de base para elaboração de um plano de ação e para articular medidas de apoio aos empresários. Com as informações sobre as reais necessidades buscamos o suporte do Sebrae/SC para atender essa demanda. Nossa avaliação é de que o programa contribuiu para resultados positivos na gestão das empresas. Consideramos que foi fundamental para fortalecer as empresas nesse momento de estagnação econômica”, avalia Carlise.

Serviços disponibilizados

Na Sala do Empreendedor são disponibilizadas informações sobre formalização, alteração e baixa de empresas; entregues materiais informativos com conteúdo de interesse do setor empresarial; oferecidos treinamentos, palestras e oficinas gratuitas; emitido o Documento de Arrecadação do Simples Nacional do MEI (DASMEI), Certificado de Condição de MEI (CCMEI), certidão negativa municipal, certidão negativa de outros órgãos (Receita Federal, Estado, FGTS) e realizadas consultas de viabilidade.

A Sala do Empreendedor está situada na Rua Padre João Rick, número 10. Mais informações pelo telefone (49) 3678-7757, que também é WhatsApp.

>>>Clique e receba notícias do JRTV Jornal Regional diariamente em seu WhatsApp.



  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook