Sebrae/SC entrega neste mês Plano de Marketing Turístico de Itapiranga

Área de lazer Barra do Macaco (Crédito: Prefeitura de Itapiranga)

Área de lazer Barra do Macaco (Crédito: Prefeitura de Itapiranga)

04/12/2020 - 19h14

O município de Itapiranga, no extremo oeste catarinense, receberá na segunda-feira (14), às 9 horas, o Plano de Marketing Turístico, que apresenta a atividade econômica como vetor de desenvolvimento e tem como principais iniciativas a valorização do patrimônio cultural e natural. Na oportunidade também será entregue o documento de Desenvolvimento e Promoção do Destino. Os estudos foram elaborados pelo Sebrae/SC e fazem parte do Programa Cidade Empreendedora, executado localmente desde 2017.

No estudo constam características do território; diagnóstico e análise do turismo no destino com delimitação de oferta/demanda turística e análise das ferramentas atuais de promoção; além de estratégias de marketing. O plano amplia a visibilidade e a comercialização do destino, além de organizar e direcionar as ações necessárias para consolidar Itapiranga como um destino de referência e qualidade na oferta turística.

De acordo com as consultoras credenciadas ao Sebrae/SC Karla Fabiana Hall e Silvia Nowalski Balduíno, o Plano de Marketing Turístico é fruto de uma construção coletiva entre o poder público, a iniciativa privada e a comunidade. O propósito é valorizar a cultura local, fomentar a diversidade de produtos turísticos e aumentar o fluxo de visitantes, além de integrar e promover roteiros regionais, valorizando o extremo oeste. “Além do plano foi trabalhado no município outra solução denominada de Desenvolvimento e Promoção do Destino. Na campanha foram desenvolvidas peças promocionais voltadas à comunidade para divulgar os potenciais existentes, estratégias para atrair visitantes e também ações direcionadas à imprensa”, explica Karla.  

Para a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Carlise Welter Werlang, Itapiranga é uma cidade especial, com um povo que preserva sua cultura e suas tradições. “Nossa intenção é manter viva nossa história, por isso iniciamos em 2017 um movimento para desenvolver o turismo com sustentabilidade. Todo esse processo resultou no Itapiranga Cultural, um destino que reúne cultura, festas típicas, Oktoberfest, dança, canto coral, gastronomia, teatro, bandas, espaços rurais e belezas naturais”, adianta.

O prefeito Jorge Welter enaltece que o documento será um instrumento norteador para implementação de futuras políticas públicas e para investimentos da iniciativa privada. “Queremos aumentar o fluxo de turistas, de investidores e de empresas, que contribuirão para a geração de trabalho e renda às comunidades locais”, afirma.

>>>Clique e receba notícias do JRTV Jornal Regional diariamente em seu WhatsApp.


  • por
  • Jornal Regional



DEIXE UM COMENTÁRIO

Facebook